Páginas

sábado, 10 de dezembro de 2016

Lula, filho dele e mais dois são denunciados pelo MPF na Operação Zelotes.

O Ministério Público Federal em Brasília (MPF) denunciou à Justiça o ex-presidente Luiz Inácio Lula da Silva e seu filho, Luiz Cláudio Lula da Silva, pelos crimes de tráfico de influência, lavagem de dinheiro e organização criminosa. 

Informações divulgadas pela revista “Veja” na tarde desta sexta-feira (9) dão conta de que a nova denuncia tem origem na Operação Zelotes, que apura a venda de decisões do Carf, tribunal que julga recursos contra multas aplicadas pela Receita Federal. 

A ação penal é resultado de investigações que apuraram o envolvimento da dupla com o casal Mauro Marcondes e Cristina Mautoni, que também foram denunciados por negociações irregulares que levaram à compra de 36 caças do modelo Gripen pelo governo brasileiro e à prorrogação de incentivos fiscais destinados a montadoras de veículos por meio da Medida Provisória 627. 

Segundo o MPF, os crimes foram praticados entre 2013 e 2015 quando Lula, na condição de ex-presidente, integrou um esquema que vendia a promessa de que ele poderia interferir junto ao governo para beneficiar as empresas MMC, grupo Caoa e SAAB, clientes da empresa Marcondes e Mautoni Empreendimentos e Diplomacia LTDA (M&M). Em troca, Mauro e Cristina, donos da empresa, repassaram a Luiz Cláudio pouco mais de R$ 2,5 milhões.BN

Idosa de 85 anos morre em incêndio dentro da própria casa - Em Itapetinga.

Uma idosa de 85 anos morreu vítima de um incêndio dentro de casa, em Itapetinga, no sudoeste da Bahia, na madrugada desta sexta-feira (9). Segundo a Polícia Civil, a senhora, identificada como Nelita de Oliveira Melo, estava sozinha no imóvel, no bairro de Camacã. 

Ainda de acordo com a polícia, o incêndio pode ter sido provocado pelo fato de a idosa ter acendido algumas velas para iluminar a casa, já que o bairro estava sem energia elétrica. As chamas foram debeladas por equipe de brigadistas de um fábrica da região e do Corpo de Bombeiros de Vitória da Conquista. 

O corpo da idosa foi levado para o Departamento de Polícia Técnica (DPT) de Conquista. A casa foi totalmente destruída pelo fogo.Foto/Fonte:Itapetinga Repórter.

Assassinatos acirram conflitos em área indígena - Na Bahia.

Após o período de ‘trégua’ que se estabeleceu logo após as eleições presidenciais de 2014, quando o governo federal prometeu uma resolução do problema, o clima de hostilidade entre índios da etnia Tupinambá e fazendeiros no sul da Bahia voltou a imperar na região nas últimas duas semanas.
No dia 26 de novembro, um índio foi morto por pistoleiros com ao menos 5 tiros quando passava de moto na zona rural de Buerarema. O índio Luiz Viana Lima, 54, residia na região da Serra do Padeiro, onde 32 fazendas já foram ocupadas por indígenas, numa ação que eles chamam de “retomada”.
Conhecido como Luizão, o índio foi alvejado quando passava de moto. A Polícia Civil de Buerarema informou que o crime foi cometido por dois homens em uma outra moto. Não está descartado, informou a polícia, o crime ter sido cometido para roubar a moto — latrocínio.
O índio Luizão. Foto: Divulgação/Cimi

O assassinato do índio ocorreu uma semana após o Cimi (Conselho Indigenista Missionário), ligado à Igreja Católica, divulgar em evento na Serra do Padeiro o “Relatório de Violência contra os Povos Indígenas“ de 2016 (com dados de 2015), segundo o qual o governo federal registrou 137 assassinatos de índios no Brasil, mas sem dar detalhes das circunstâncias de como eles ocorreram e a localização. O Cimi diz ter registrado por cona própria 54 homicídios contra índios em 2015, cinco deles na Bahia.
O presidente do Cimi, dom Roque Paloschi, afirma na apresentação do Relatório de Violência do Cimi que o sentimento é de “indignação porque se repetem e se aprofundam as mesmas práticas criminosas, sem que medidas tenham sido efetivamente adotadas”.
“Permanece o quadro de omissão dos poderes públicos, que se negam a respeitar e cumprir a Constituição Federal no que tange à demarcação, proteção e fiscalização das terras; permanece a realidade de agressões às pessoas que lutam por seus legítimos direitos, tais como assassinatos, espancamentos, ameaças de morte; agravam-se os ataques contra comunidades, especialmente aquelas mais fragilizadas e que vivem em acampamentos; permanece a invasão e devastação das terras demarcadas”.
No entender do Cimi, “esses levantamentos das violações aos direitos indígenas têm um único sentido: servir como instrumento de denúncia para que medidas sejam tomadas e, com isso, as violências, que são práticas contínuas, venham a ser combatidas, diminuídas, e que se consiga chegar a uma realidade justa, na qual sejam respeitados os direitos humanos”.
Na quarta-feira (7/12) um grupo de oito homens tentou atacar um povoado de Una habitado por índios e não índios, mas houve revide e dois deles acabaram mortos a golpes de facão, outros dois estão internados em um hospital de Ilhéus com ferimentos graves e os demais estão foragidos.
Os índios lutam desde 2008 pela demarcação de 47,3 mil hectares de terra, situada entre Ilhéus, Una e Buerarema. Eles já ocuparam mais de 80 fazendas, e já houve conflitos graves, com várias mortes dos dois lados, sendo necessário a Força Nacional ser enviada para a região.
“A situação voltou a ficar muito tensa. Tem áreas aqui que não podemos nem ir, índio tem medo de ir sozinho ao centro da cidade e quando vai não usa as vestimentas com medo de ser reconhecido e ser agredido ou até morto”, disse o cacique Val Tupinambá.Fotos/Fonte;Suíça Baiana.


PF investiga desvios de R$ 5,8 milhões em programas de educação.

A Polícia Federal deflagra na manhã desta sexta-feira, 9, a Operação PhD, que apura o desvio de recursos de programas federais de incentivo à pesquisa, especialmente do Projeto SUS Educador. Segundo nota da Federal, cerca de 70 policiais federais cumprem seis mandados de prisão, dez de busca e apreensão e dois de condução coercitiva no Rio Grande do Sul, nas cidades de Porto Alegre, Canoas e Pelotas. 

Iniciada há seis meses, a investigação revelou a atuação de associação criminosa que se utilizava da coordenação de projetos relacionados à área de Educação em Saúde da Universidade Federal do Rio Grande do Sul (UFRGS), com o objetivo de desviar recursos, em especial, do Programa de Extensão em Saúde Coletiva: Educação Continuada (PESC) e do Programa de Pós-Graduação em Saúde Coletiva (PPGCOL). 

A PF aponta que a fraude consistia na inclusão de bolsistas sem qualquer vínculo com a UFRGS para recebimento de valores de até R$ 6,2 mil, equivalente à Bolsa de Doutorado. "Os valores eram repassados, em parte ou até mesmo em sua integralidade, para coordenadores dos programas. Também eram custeados pagamentos de diárias e RPAs (Recibo de Pagamento Autônomo) indevidos, além de outras despesas, para pessoas indicadas pelos investigados", diz a nota. 

De acordo com a Polícia Federal, também ficou evidenciado o direcionamento de seleções, bem como, no mínimo um caso em que o aluno sequer frequentou o curso, não teve qualquer avaliação e foi "agraciado" com o título de Mestre. O valor dos projetos investigados está em torno de R$ 99 milhões e a quantia desviada apurada, até o momento, é de aproximadamente R$ 5,8 milhões. Os crimes identificados na Operação PhD são associação criminosa, estelionato, falsidade ideológica e inserção de dados falsos em sistema de informação. 

A PhD é a primeira operação realizada pela Polícia Federal no Rio Grande do Sul com o emprego do Laboratório de Tecnologia Contra Lavagem de Dinheiro. O equipamento (hardware e software) é uma ferramenta de alta tecnologia para processamento de dados O Laboratório possibilita o rápido cruzamento de milhares de informações para gerar relatórios e organogramas para identificação de organizações criminosas.


Acidente com avião da Chapecoense foi um 'homicídio', diz ministro boliviano.

O ministro da Defesa da Bolívia, Reymi Ferreira, afirmou nesta sexta-feira (9) que a queda do avião da Chapecoense na Colômbia, que deixou 71 mortos, foi um "homicídio". Morreram jogadores e dirigentes da equipe catarinense, além de jornalistas e tripulação. 

"Não foi um acidente. Na realidade foi um homicídio", disse Ferreira em entrevista à rádio paraguaia ABC Cardinal. Ele afirmou que se o piloto Miguel Quiroga tivesse seguido as normas de aviação, a tragédia não teria acontecido. 

"Há uma norma internacional que estabelece que você tem que ter pelo menos uma hora e meia de autonomia a partir do cálculo da chegada a seu destino. E ele tinha, de acordo com o plano de voo exatamente a mesma quantidade de combustível para as quatro horas e vinte minutos que supostamente iria durar o voo”, afirmou. 

O ministro afirmou ainda que Quiroga tinha costume de burlar as regras. "E isso não foi feito uma vez. Essa companhia aérea, esse piloto, fez isso cinco vezes", afirmou.

Mulher morre e 8 pessoas ficam feridas após Van capotar e cair em ribanceira na BR-242.

Uma mulher morreu e pelo menos oito pessoas ficaram feridas após uma van capotar e cair em uma ribanceira na BR-242, trecho do município de Muqém de São Francisco, no oeste da Bahia. Segundo informações da Polícia Rodoviária Federal (PRF), o acidente ocorreu após o motorista tentar evitar uma colisão frontal com um veículo que realizava uma ultrapassagem irregular. 

De acordo com a PRF, a van onde as vítimas estavam saiu da cidade de Ibotirama e tinha como destino a localidade de Pedrinhas, em Muquém de São Francisco, uma viagem de cerca de 100 quilômetros. Na altura do KM-590, um veículo que vinha no sentido oposto invadiu a contramão para fazer uma ultrapassagem em local indevido, onde não tinha acostamento. 

Conforme a PRF, ao tentar evitar a batida, o motorista da van pisou no freio, que segundo depoimentos colhidos no local, apresentou algum problema, fazendo com que o veículo caísse em uma ribanceira de cerca de 10 metros de altura. 

Ainda segundo a PRF, a vítima que morreu, uma mulher ainda não identificada, foi arremessada do veículo e morreu no local. Os feridos foram encaminhados para o Hospital Regional de Ibotirama. Não há informações sobre o estado de saúde deles. (G1/ Bog do Braga)

Casal é flagrado fazendo sexo na 'Porta do Diabo'.

Um casal foi flagrado no momento em que mantinha uma relação sexual. O caso aconteceu em plena luz do dia em uma montanha turística, conhecida pelo nome de Porta do Diabo, em Panchimalco, no El Salvador.
De acordo com o jornal ‘Sun’, o ato sexual foi flagrado por aventureiros que passavam pelo local e registraram o momento íntimo do casal. Divulgada em uma rede social, as imagens se tornaram virais, principalmente no país.
Os flagra dividiu a opinião dos internautas. “Paguem um motel”, escreveu um deles. Outro foi mais compreensível e preferiu atacar o autor das imagens: “Quem postou as imagens deve estar com inveja”. Ibahia.


Dilma Rousseff é eleita uma das mulheres do ano pelo Jornal Financial Timer.

Retirada da Presidência da República por um processo de impeachment concluído em 31 de agosto deste ano, a ex-presidente Dilma Rousseff foi escolhida como uma das mulheres do ano pelo jornal britânica Financial Times. Na mesma lista, aparecem também a primeira-ministra britânica Theresa May; a ex-candidata a presidente dos EUA, Hillary Clinton; a ginasta Simone Biles; a cantora americana Beyoncé, entre outras. 

A publicação descreveu a petista como alguém com mais talentos de “tecnocrata nerd” do que para política nata. "Ela nunca está mais feliz do que quando discute os detalhes íntimos do Orçamento federal, com auxílio de PowerPoint", caracterizou o correspondente do "Financial Times" no Brasil, Joe Leahy. 

Ao jornal, a ex-presidente afirmou que não pretende mais disputar cargos eletivos, mas continuará “politicamente ativa”. "Rousseff deve ainda estar chocada com a reviravolta em sua fortuna –inversão que correspondeu à de sua nação, que em poucos ano passou de milagre econômico a desapontamento", afirmou o jornal sobre o impeachment. 

A publicação britânica ainda caracterizou o processo de afastamento como julgamento político e apontou que a “verdadeira razão” para sua saída do poder foi a “queda da popularidade em meio a uma recessão crescente e a uma investigação de corrupção na estatal Petrobras".

Dioguinho de Ituaçu é preso cometendo assalto em Vitória da Conquista.

A polícia prendeu na manhã desta sexta – feira (09), em Conquista, Diogo Vinícius Figueredo Santos, natural de Ituaçu.

Diogo foi preso após realizar assalto a mão armada na Rua Lisboa, Centro da Cidade. Com Diogo a polícia apreendeu um revólver calibre 32 com 01 munição intacta,03 celulares, sendo 01 Samsung e 02 Motorolas. A vítima ainda se encontrava no local e identificou o autor, após a prisão em flagrante.

A polícia se deslocou ao Disep, apresentando a arma municiada, produtos do roubo e o autor do crime, para que a autoridade policial competente tomassem as medidas cabíveis.
Dioguinho é conhecido em Ituaçu, já sofreu tentativa de homicídio, na ocasião levou seis tiros, ele também é acusado de furtos de peças de veículos ocorrido na delegacia de Ituaçu.Foto/Fonte:Informe Barra


Casal de 17 e 19 anos é preso acusado de matar professores - Em SantaLuz.

Uma jovem de 19 anos foi presa, e um adolescente, de 17, apreendido, após confessar participação na morte de dois professores. À época do crime, dois corpos foram encontrados carbonizados no porta-malas de um veículo capotado na BA-120. O caso chocou o município de Santaluz, no nordeste da Bahia. A polícia chegou até os suspeitos após denúncia anônima nesta quinta-feira (8/12), conforme publicação do G1. Uma das vítimas foi identificada como o professor Edivaldo Silva de Oliveira, de 32 anos.
vítimas - foram queimados vivos.
A polícia acredita que o outro corpo seja do também professor Jeovan Bandeira, que está desaparecido desde junho, mas o resultado do DNA, feito pelo Departamento de Polícia Técnica (DPT), ainda não ficou pronto até a manhã desta sexta-feira (9). Em depoimento à polícia, a dupla informou também sobre a participação de uma terceira pessoa no crime. Um jovem de 19 anos, que foi morto na terça-feira (6), após deixar a delegacia do município de Valente, onde estava preso por tráfico de drogas. A cidade onde o jovem foi morto fica a cerca de 50 quilômetros de Santaluz.
Acusados dos crimes.
Ainda de acordo com a polícia, a jovem de 19 anos contou que a ideia do trio era sequestrar os professores após um assalto, e liberar as vítimas no município de Queimadas. Mas o carro em que eles estavam capotou, então o trio incendiou o veículo com os professores dentro do porta-malas. Ao tomar conhecimento da prisão, uma multidão ocupou a entrada da delegacia para onde os suspeitos haviam sido encaminhados. 

Por questões de segurança, o delegado João Farias comunicou que os presos precisaram ser transferidos. Ele informou ainda que a prisão preventiva da jovem, e o internamento do menor já foram decretados pela Justiça. A jovem de 19 anos foi levada para um presídio em Feira de Santana, mesma cidade para onde o adolescente foi enviado, mas nesse caso, para um Centro de Internação para Menores Infratores.Foto/Fonte:Notícias de Santa Luz

Exigência para registro de prova de vida em banco provoca insatisfação.

“Exigir que uma pessoa enferma [especialmente idosos] sejam levada no leito a uma agência bancária para fazer o registro de sua prova de vida, é um procedimento legal que não deixa de ser imoral”.
Essa foi a queixa das pessoas que se encontravam na manhã desta sexta-feira (9/12) em uma agência bancária de Jequié. Prostrada em uma maca, uma anciã foi conduzida ao banco por funcionários de uma empresa, para fazer o registro. As pessoas presentes entendiam que os bancos deveriam designar um funcionário para realizar no domicílio ou no hospital esse tipo de procedimento. 

A reportagem do blog Jequié Repórter, não procurou a administração da agência bancária para ouvir explicações sobre a exigência. A  prova de vida e a renovação de senha bancária dos beneficiários do INSS são obrigatórias e devem ser realizadas anualmente. Quem não fizer este procedimento poderá ter o benefício suspenso até regularizar a prova de vida. 

O beneficiário deve ir até sua agência bancária, levando um documento de identificação com foto (carteira de identidade, carteira de trabalho, carteira de habilitação, entre outros). Para tornar o processo de recebimento mais seguro, alguns bancos que possuem sistemas de biometria estão usando essa tecnologia para realizar a comprovação de vida nos próprios terminais de autoatendimento. 

Diz a lei que, “Quem não puder ir até às agências bancárias por motivos de doença ou dificuldade de locomoção pode realizar a prova de vida por meio de um procurador, que deve ser previamente cadastrado no INSS”.


CIPE Central e ANATEL fazem operação contra rádios piratas - Em Jequié.

Por volta das 14h00 desta sexta-feira(09), uma guarnição da CIPE CENTRAL em apoio a Anatel (Agência Nacional de Telecomunicações) desarticulou na cidade de Jequié duas estações de transmissão de rádio pirata no Loteamento do Cohin, bairro Joaquim Romão. 

As diligências se iniciaram na tarde desta sexta-feira sob os cuidados dos Agentes Wilton Machado, Carlos Fernando e Cinthia Menezes da Anatel, sendo encontrado na residência de Lucas Ribeiro Santos: um receptor da marca Montel e um transmissor de FM caseiro montado num gabinete de computador. 

Na sequência com a permissão da moradora, Maria Vitória Vidal dos Santos foram feitas buscas em outro imóvel, onde não foram encontrados equipamentos de transmissão. Segundo a mesma, os equipamentos já teriam sido removidos em outra operação da Anatel. 

Progredindo para o terceiro ponto, em área de difícil acesso foi desativada uma estação de transmissão de rádio, onde foram apreendidos: um receptor de link da marca Teletronix e um transmissor de rádio da marca sinteck next de 500w. Todos os equipamentos apreendidos foram encaminhados à Sede da Anatel onde serão remetidos para perícia pela Polícia Federal.Foto/Fonte:BJM

ViaBahia demitiu médicos, funcionários e desativou USA - No Entroncamento de Jaguaquara.

Nem mesmo a mobilização de autoridades políticas conseguiu impedir a desativação da Unidade de Suporte Avançado – USA da Concessionária ViaBahia instalada no distrito Stela Dubois – Entroncamento de Jaguaquara, na margem da BR-116. 

A informação do fechamento da unidade, sob alegação de crise financeira, chegou a mobilizar lideranças políticas, a exemplos do presidente do Consórcio de Desenvolvimento Sustentável do Vale do Jiquiriçá – CONVALE, e prefeito de Lafaiete Coutinho, Zenildo Santana – Zé Cocá (PP), do prefeito de Jaguaquara, Giuliano Martinelli (PP), que se reuniram com o vice-governador e secretário de Planejamento do Estado, João Leão (PP) e com o deputado estadual Euclides Fernandes (PSL)em busca de apoio para interferências junto a empresa, pela permanência da unidade, mas a mobilização dos políticos não prevaleceu. 

Na segunda-feira (5/12), conforme antecipado pelo Blog Marcos Frahm, com publicação de que médicos e enfermeiros já teriam assinado cartas de demissão, os profissionais foram mesmo demitidos pela Concessionária e as atividades encerradas na USA, que passará a funcionar como Unidade de Resgate-UR 8, apenas com equipe de condutores, que assumirá a condição de socorristas, em substituição aos médicos e enfermeiros, que atuavam como plantonistas para salvaguardar vidas em casos de acidentes na BR-116 e até em outras rodovias da região, quando solicitados. 

Segundo o presidente do CONVALE, representantes da ViaBahia que mantiveram contatos – respectivamente – com Euclides Fernandes e João Leão, garantido-lhes rever a situação, não cumpriram e a USA que atendia a toda a região foi desativada. Zé Cocá promete recorrer ao governo do Estado para cobrar esclarecimentos da Concessionária. Fonte: Blog Marcos Frahm

Delator da Odebrecht afirma que Temer pediu R$ 10 milhões à empreiteira, diz revista.

O presidente Michel Temer (PMDB) pediu R$ 10 milhões ao empreiteiro Marcelo Odebrecht em 2014, segundo o site BuzzFeed e a revista Veja. A informação estaria na delação do executivo Cláudio Melo Filho, ex-vice-presidente de Relações Institucionais da Odebrecht, um dos 77 delatores da empreiteira na Operação Lava Jato. 
A revista informou que teve acesso à íntegra dos anexos de Melo Filho, que trabalhou por 12 anos como diretor de Relações Institucionais da Odebrecht. Em 82 páginas, o executivo contou como a maior empreiteira do País comprou, com propinas milionárias, integrantes da cúpula dos Poderes Executivo e Legislativo.
O relato atinge Temer, segundo a Veja. De acordo com o delator, os R$ 10 milhões foram pagos em dinheiro em espécie ao braço direito do presidente, o chefe da Casa Civil, Eliseu Padilha. O dinheiro também teria sido repassado ao assessor especial do peemedebista, José Yunes, seu amigo há 50 anos. 
Segundo a revista, deputados, senadores, ministros, ex-ministros e assessores da ex-presidente Dilma Rousseff também receberam propina. A distribuição de dinheiro ilícito teria alcançado integrantes de quase todos os partidos. O delator apresentou e-mail, planilhas e extratos telefônicos para provar suas afirmações. 
Uma das mensagens mostra Odebrecht, o dono da empresa, combinando o pagamentos a políticos importantes, identificados por valores e apelidos como “Justiça”, “Boca Mole”, “Caju”, “Índio”, “Caranguejo” e “Botafogo”.


sexta-feira, 9 de dezembro de 2016

Moto é furtada na porta de residência – Em Maracás.

Elementos ignorados até o momento furtaram uma moto Honda CG 125, cor vermelha, placa policial NZY-6193, de propriedade de Ademilton que é representando da empresa Cabral e Souza.

Segundo Ademilton, ele tinha estacionado sua moto em frente a sua residência na Rua Bel. José Anacleto Freire, nº117, bairro Maria da Paixão, por volta das 20:00hs., desta quinta-feira(08), e minutos depois quando saiu na porta de casa, percebeu que sua moto havia sido furtada. 

Imediatamente comunicou o fato a Delegacia e a Polícia Militar que realizou diligência pela cidade, porém, não conseguiu localizar a moto furtada e nem os autores do crime. As investigações continuam. Foto e matéria: Blog Vandinho Maracás.