Páginas

sexta-feira, 27 de fevereiro de 2015

Gêmeos siameses baianos se recuperam de cirurgia de separação - Em Goiânia.

Os gêmeos siameses Arthur e Heitor, de 5 anos, se recuperam após uma cirurgia de separação que durou 15 horas, realizada no Hospital Materno Infantil, em Goiânia, na madrugada de quarta-feira (25). Os meninos, naturais de Riachão de Santana, no interior da Bahia, eram unidos pelo tórax, abdômen e bacia, além de compartilhar o fígado e a genitália.
Segundo a equipe médica, a operação transcorreu dentro do esperado, mas as próximas 48 horas são decisivas para a recuperação dos meninos. Eles estão internados na Unidade de Terapia Intensiva (UTI) e o estado de saúde deles é considerado grave, necessitando da ajuda de aparelhos para respirarem.
                             

                                               A cirurgia envolveu mais de 40 profissionais (Foto: reprodução)
Diferentemente do que os médicos acreditavam, cada um dos gêmeos têm um intestino, uma bexiga e uma vesícula. Eles também tinham três pernas, mas, com a cirurgia, cada irmão passou a ter um membro. Da terceira perna foram retirados pele e fêmur, que ajudarão na recuperação individual dos garotos.

                                Os pais com os gêmeos após o parto ( Foto: Rodrigo Cabral/Secretaria de Saúde de GO)
A mãe dos siameses, Eliana Ledo Rocha Brandão, se mudou para Goiânia um mês antes do nascimento dos filhos para receber acompanhamento médico especializado desde o parto, em maio de 2009. Quando as crianças nasceram, ela voltou para a terra natal por um período e, desde 2010, mora em Goiânia com os siameses. O marido e a filha mais velha, de 7 anos, continuam na cidade baiana.Os meninos não possuem nenhum problema cognitivo e já são alfabetizados.Fonte;Aratu Online


Nenhum comentário:

Postar um comentário