Páginas

quarta-feira, 25 de janeiro de 2017

STJ licita compra de tagas por R$ 89 mil para 33 ministros.

O Superior Tribunal de Justiça (STJ) abriu licitação para compra, conserto, ajuste de becas, capas e vestimentas, por um valor estimado de R$ 89,5 mil. A empresa ganhadora no pregão deverá fornecer "becas de gala" e "capa para ministros, advogados, secretários e atendentes". O valor unitário de uma beca de gala sai, em média, R$ 1.412,20. O STJ é composto por 33 ministros. 

De acordo com o edital de licitação, serão produzidas seis unidades deste tipo, confeccionadas em cetim de primeira linha, detalhes nos punhos em renda branca, com faixa pregueada na frente, fixada com fivela cromada. A toga ainda deverá ter o nome da autoridade bordado com linha branca. Estão previstas ainda a compra de dez capas para ministro, seis capas para advogados, 22 capas para atendentes e 15 capas para secretário. 

O contrato com a empresa escolhida terá duração de um ano. Na Bahia, em 2015, o Tribunal de Justiça da Bahia (TJ-BA) licitou a compra de 800 togas por quase R$ 500 mil (clique aqui e relembre).

Nenhum comentário:

Postar um comentário