Páginas

sábado, 26 de agosto de 2017

"Privatizações não vão cobrir rombo, mas melhora serviços", diz Temer.

O presidente Michel Temer negou nesta sexta-feira (25) que o pacote de privatizações anunciado nesta semana não tem o objetivo de cobrir o rombo nas contas públicas. Segundo ele, a iniciativa serve para permitir a melhoria dos serviços e que o Estado possa investir "no que realmente importa". 

"Com essa medida, convenhamos corajosa, o objetivo não é cobrir o déficit fiscal, mas criar empregos, gerar renda e dar um serviço de melhor qualidade à população", disse, em vídeo divulgado nas redes sociais. "Significa que irão funcionar melhor para você, e o Estado vai receber bilhões de reais para investir no que realmente importa: saúde, segurança, infraestrutura e educação", afirmou. G1.

Nenhum comentário:

Postar um comentário