Páginas

sexta-feira, 30 de novembro de 2018

Sobe para 8 o número de mortos em acidente na BR-116 entre carreta e ônibus com fanfarra - Em Santa Bárbara.


Flávio Solano Teixeira Messias, de 21 anos, estava internado no Hospital Clériston Andrade, em Feira de Santana, desde o acidente ocorrido no domingo (25), na BR-116, em trecho da cidade de Santa Bárbara. 

O ônibus partiu da cidade de Euclides da Cunha, a cerca de 300 km de Salvador, e tinha Antônio Cardoso, cidade vizinha a Feira de Santana, como destino. A prefeitura de Euclides da Cunha emitiu nota de pesar pela morte de Flávio. A cidade esteve em luto de três dias por conta do acidente. 

De acordo com a prefeitura, Flávio Solano estava internado em estado grave após sofrer traumatismo craniano e muitas queimaduras pelo corpo. O jovem morava na cidade Uauá, na região norte do estado, que também publicou nota de pesar. 

Ainda segundo a prefeitura de Euclides da Cunha, os pais de Flávio optaram pela doação dos órgãos dele. Ainda não há informações sobre o sepultamento do jovem. Já com relação aos sobreviventes, conforme a Secretaria de Saúde do Estado da Bahia (Sesab), seis vítimas seguem internadas em hospitais de Feira de Santana e uma está no Hospital Geral do Estado (HGE), em Salvador.

Flávio Solano Teixeira Messias, de 21 anos, estava internado no Hospital Clériston Andrade, em Feira de Santana, desde o acidente ocorrido no domingo (25), na BR-116, em trecho da cidade de Santa Bárbara. O ônibus partiu da cidade de Euclides da Cunha, a cerca de 300 km de Salvador, e tinha Antônio Cardoso, cidade vizinha a Feira de Santana, como destino. 

A prefeitura de Euclides da Cunha emitiu nota de pesar pela morte de Flávio. A cidade esteve em luto de três dias por conta do acidente. De acordo com a prefeitura, Flávio Solano estava internado em estado grave após sofrer traumatismo craniano e muitas queimaduras pelo corpo. 

O jovem morava na cidade Uauá, na região norte do estado, que também publicou nota de pesar. Ainda segundo a prefeitura de Euclides da Cunha, os pais de Flávio optaram pela doação dos órgãos dele. Ainda não há informações sobre o sepultamento do jovem. 

Já com relação aos sobreviventes, conforme a Secretaria de Saúde do Estado da Bahia (Sesab), seis vítimas seguem internadas em hospitais de Feira de Santana e uma está no Hospital Geral do Estado (HGE), em Salvador. BMF.

Nenhum comentário:

Postar um comentário